Newsletters




RSS 2.0 ACG

NOTÍCIAS DOS SÓCIOS

Resolução alternativa de litígios de consumo | RAL

No passado dia 23 de setembro de 2015 entrou em vigor a lei nº 144/2015 sobre a Resolução alternativa de litígios de consumo.

Continuar...

PESQUISA

Autenticação

Visualizações de conteúdos : 268202

GUIA DO INVESTIDOR

Disponível aqui

guia_foto

ACG no youtube

youtube

ACG nas redes sociais

fb

sweet-party.png
ACG - Associação do Comércio e Serviços do Distrito da Guarda
Atendimento Prioritário PDF Versão para impressão Enviar por E-mail

untitled-5

COMUNICADO | Atendimento Prioritário
Lei 58/2016, de 29 de Agosto

A partir de amanha entra em vigor a nova Lei que regula a obrigatoriedade de prestar atendimento prioritário às pessoas com deficiência ou incapacidade, pessoas idosas, grávidas e pessoas acompanhadas de crianças de colo, para todas as entidades públicas e privadas que prestem atendimento presencial ao público.

1. A quem se aplica?

  • O decreto-lei aplica-se a todas as pessoas, públicas e privadas, singulares e coletivas que prestem atendimento presencial ao público.

2. Exclusões da obrigação:

  • As entidades prestadoras de cuidados de saúde, quando o acesso à prestação de cuidados de saúde deva ser fixada em função da avaliação clínica a realizar,
  • Conservatórias, “apenas e só quando a alteração da ordem de atendimento coloque em causa a prioridade do registo”
  • O decreto-lei também não se aplica às situações de atendimento presencial ao público realizado através de serviços de marcação prévia.
A quem se deve prestar atendimento prioritário?
  • Pessoas com deficiência ou incapacidade (aquelas que, “por motivo de perda ou anomalia, congénita ou adquirida, de funções ou de estruturas do corpo, incluindo as funções psicológicas, apresente dificuldades específicas susceptíveis de, em conjugação com os fatores do meio, lhe limitar ou dificultar a atividade e a participação em condições de igualdade com as demais pessoas e que possua um grau de incapacidade igual ou superior a 60%”);
  • Pessoas idosas (aquela “que tenha idade igual ou superior a 65 anos e apresente evidente alteração ou limitação das funções físicas ou mentais”);
  • Grávidas;
  • Pessoas acompanhadas de crianças de colo (aquela que se faça acompanhar de criança até aos dois anos)

4. Quais as penalizações previstas?

  • Quem entrar em incumprimento é punível com coima de € 50 a € 500 ou de € 100 a € 1000, consoante a entidade infratora seja pessoa singular ou coletiva.

5. Se estiverem para serem atendidas várias pessoas com direito de atendimento prioritário como se procede?

  • O atendimento faz-se por ordem de chegada.

6. Onde posso solicitar esclarecimentos sobre esta nova lei?

alt

 
Seminário CEG Busines Startup PDF Versão para impressão Enviar por E-mail
ACG
untitled-5
Seminário de Apresentação CEG BUSINESS STARTUP

Irá decorrer no próximo dia 12 de dezembro, pelas 17h00 na sede da ACG, o Seminário de Apresentação CEG Business Startup.

Este terá como principais convidados:
* IAPMEI que irá fazer a apresentação das candidaturas Vales Incubação;
* Presidente da Incubadora WRC, Dr. Pedro Maranha, que fará um enquadramento sobre o tema "Mecanismo de Aceleração - Startup Portugal"
* Drª Teresa Paiva (IPG) e Grupo CH, que em conjunto farão a apresentação deste projeto inovador que a ACG criou.

As Inscrições são gratuitas mas obrigatórias, até ao limite da capacidade do auditório e podem ser feitas através do seguinte link:
(https://goo.gl/forms/kSGNvwgWIJDEsv5Q2)

alt
 
CEG Cowork Empresarial da Guarda PDF Versão para impressão Enviar por E-mail
ACG
untitled-5

CEG Cowork Empresarial da Guarda

CEG Cowork Empresarial da Guarda abre no inicio de Dezembro, na sede da Associação do Comércio e Serviços do Distrito da Guarda.

Os empreendedores que se pretendam instalar no Cowork devem consultar o regulamento do mesmo aqui e preencher o formulário de pré-inscrição aqui.

Este, será um espaço onde os empreendedores poderão partilhar conhecimentos, uma vez que se pretende albergar várias áreas de negócios e poderão contar com o acompanhamento da Associação, até à fixação no mercado de trabalho.

Este projeto surgiu após a ACG ter realizado um estudo de mercado que identificou quais os serviços e os espaços que são imprescindíveis para o sucesso de uma empresa incubada, considerando pertinente a abertura de um espaço deste género na sua sede, com todos os serviços que se revelaram prioritários.

alt
 
<< Início < Anterior 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 Seguinte > Final >>

JPAGE_CURRENT_OF_TOTAL
ACG - Associação do Comércio e Serviços do Distrito da Guarda © 2012 Todos os direitos reservados | desenvolvido por J.Canão